O Laboratório Alvaro está de cara nova!

Deseja tornar este perfil sua página inicial quando acessá-lo novamente?

X

Atendimento ao Cliente:

Dicas de SaúdeTeste de Paternidade

O que é DNA?

O DNA ou ADN é a sigla para Ácido Desoxirribonucleico. Ele está presente em todas as células nucleadas de um organismo e é responsável por todo o controle de crescimento e desenvolvimento do mesmo.

O que é o teste de paternidade por DNA?

O teste de paternidade por DNA é, atualmente, o meio mais preciso para o esclarecimento de paternidades ou maternidades duvidosas. A extrema precisão do método se baseia no fato de que o código genético (DNA) de cada indivíduo é único, não existindo outra pessoa com código idêntico (exceto no caso de gêmeos univitelinos).

No teste realizado no Laboratório Alvaro são analisadas quinze regiões hipervariáveis do DNA de cada indivíduo, utilizando a tecnologia de PCR-STR e sequenciador automático de DNA (Tecnologia idêntica a disponível nos grandes centros de pesquisa e investigação como o FBI-Federal Bureau of Investigation). Posteriormente os dados são confrontados para verificação da existência ou não do vínculo genético de filiação, no caso da inclusão da paternidade ou maternidade, os dados são calculados estatísticamente com base nas freqüências de alelos obtidas experimentalmente da população.

Há uma idade mínima para a realizaçãodo teste de DNA?

Não. O exame pode ser realizado em indivíduos de qualquer idade, até mesmo em recém-nascidos.

Qual material biológico deve ser coletadopara a realização do exame?

O material utilizado para análise é o sangue periférico com EDTA (anticoagulante).

O exame pode ser realizado quando umdos envolvidos está doente ou sob tratamento médico?

Sim. A análise de DNA no exame de paternidade não é afetada por medicamentos ou doenças.

Há necessidade de jejum para a coleta das amostras?

Não. A ingestão de alimentos não interfere na análise do material biológico.

O exame pode ser realizado sem a participação da mãe?

Sim. Para isso é necessário que a criança esteja registrada no nome do suposto pai, caso contrário há a necessidade de uma autorização para coleta do exame assinada pela mãe ou pelo responsável legal da criança.

É possível realizar o exame após a morte do suposto pai?

Sim. Neste caso, normalmente, o exame é realizado utilizando parentes biológicos próximos (irmãos, filhos ou pais do suposto pai falecido).

A coleta pode ser realizada em qualquer local do Brasil?

Sim. A coleta pode ser realizada na matriz do Laboratório Alvaro (Cascavel - PR), na filial (Foz do Iguaçu) ou em qualquer um dos mais de 1000 laboratórios conveniados em todo o Brasil.

Qual o procedimento correto para realizar o teste?

Basta ligar para o Laboratório Alvaro ou para um dos laboratórios conveniados e marcar data e horário para a coleta. No momento da coleta devem comparecer todos os envolvidos, juntos, portando documentos pessoais (carteira de identidade, certidão de nascimento ou declaração de maternidade).

Como é feita a identificação das pessoas a serem testadas?

No momento da coleta todos os examinados deverão apresentar seus documentos pessoais, assinar e colocar suas impressões digitais na ficha de autorização para a coleta. Se a coleta for realizada na matriz do Laboratório Alvaro, em Cascavel, é realizada, juntamente, uma identificação visual através de fotografia digital.

Qual a confiabilidade do exame?

O exame de DNA possui uma precisão mínima de 99,99% nos casos de inclusão de paternidade e de 100% nos casos de exclusão de paternidade.

O exame é confidencial?

Sim. O resultado do exame somente é fornecido a quem o contratou ou às pessoas autorizadas pelo contratante. No caso de exames judiciais o resultado é encaminhado diretamente ao juiz.

Qual é o prazo de entrega do resultado?

O resultado é fornecido em 10 dias úteis após a entrada das amostras no laboratório.

*Exames 48 horas (consultar preço).